27 de junho de 2022 7:03 AM

Exposição
Foto: Katarine Oliveira
Os ensaios acontecem com outros grãos que tem o mesmo objetivo de alcançar o desenvolvimento para grandes produções
Karina Mota
Fonte: PMBV

O Campo Experimental da Prefeitura de Boa Vista, localizado no Centro de Difusão Tecnológica (CDT), região do Bom Intento, já conta com bons resultados de produções que serão apresentadas ao público durante o AGROBV 2022, que acontecerá no período de 22 a 24 de julho.

Serão 9 talhões de grãos, como soja, milho, girassol, algodão, bem como hortaliças – Alface e Macaxeira; Batata Doce (5 tipos), entre outras. Esses experimentos fazem parte do ensaio de culturas irrigadas.

“O que fazemos aqui no campo é estudar e colocar em prática a melhor condução de plantio, seja das culturas irrigadas ou mesmo de sequeiro. Além dos grãos e HF (Hortifrutis) também estamos conduzindo 7 tipos de capins com diferentes formas de plantio e preparo de solo. Para esta edição do AGROBV novos cultivares de girassol foram plantados em uma área maior que a de 2021”, disse o engenheiro agrônomo da Secretaria Municipal de Agricultura e Assuntos Indígenas (SMAAI), Fábio Guths.

O AGROBV é o maior campo experimental para demonstração de tecnologias a disposição dos agricultores de Roraima. Segundo Guths, serão apresentadas novidades, tanto em tecnologias como novos ensaios que devem surpreender os produtores.

“As empresas tanto de nossa região como de outras capitais, buscam demonstrar seus produtos nesse evento, conhecendo o potencial do nosso lavrado para investir. Não tem concorrência, os produtores se unem para saber as vantagens” explicou o engenheiro.

“Esse evento mostra o potencial de produção em nosso lavrado”

O empresário Luiz Gilmar Antonella será um dos produtores locais que apresentará seu trabalho com HF durante o AGROBV. “Sou filho de pequeno agricultor e trabalho com  culturas de grãos, soja, arroz, milho e trigo, vindo do Rio grande do Sul. Agora em Boa Vista, tenho produção de hortifrutis e no AGROBV terei a grande oportunidade para a apresentar às empresas e visitantes a melancia, abobrinha, 4 espécies de alface e quiabo, que fazem parte da minha produção” disse o produtor.