20 de agosto de 2022 12:50 AM

RECONHECIMENTO

Civis e militares são homenageados pela Assembleia Legislativa com Comenda Orgulho de Roraima

Deputada Angela Águida entende que agraciados serviram à sociedade comprometidos com dever funcional
Foto: Marley Lima
Sessao Especial de entrega da Comenda Or gulho de Roraima
Marilena Freitas

Mais de cem servidores civis e militares foram homenageados na tarde desta quinta-feira (30) com a Comenda Orgulho de Roraima, uma das honrarias concedidas pela Assembleia Legislativa (ALE-RR) àqueles que contribuíram para o desenvolvimento do Estado.

A condecoração foi proposta pela deputada Angela Águida Portela (PP). Foram agraciados com a comenda os servidores pioneiros de serviço agropecuário do Estado e bombeiros militares pelos relevantes trabalhos prestados ao projeto ‘‘Amigos do Peito’’ e dos cursos de formação de brigadistas de combate a incêndio florestal.

Militares que atuaram no Programa Educacional de Resistência às Drogas (Proerd) também foram homenageados, além do presidente do Conselho das Cidades, Ricardo Herculano Bulhões de Mattos.

“Nossos servidores públicos são de excelência, primam pelo serviço de qualidade. Existe no atendimento um sentimento de responsabilidade e de coerência, por isso estamos homenageando essas pessoas que vêm ajudando na transformação de nosso Estado, mas que, sobretudo, ganham o pão de cada dia com dignidade, dando o seu melhor e transformando Roraima, talvez, em um dos melhores estados do Brasil para se viver”, justificou a deputada.

A major Dayana Auler, uma das homenageadas, estava feliz com o reconhecimento público. Ela atou durante um ano no Proerd e garante que o trabalho preventivo rendeu bons frutos.

“É um dia marcante para nós porque a valorização profissional é importante para os policiais militares. O resultado do nosso trabalho preventivo foi positivo. O Proerd fez um trabalho tão magnífico que hoje encontramos alunos que se lembram da gente. É bom saber que todo o nosso esforço e dedicação estão sendo valorizados pelo Estado, pelas pessoas e autoridades. Nos sentimos honrados com essa homenagem”, disse.

O empresário Ricardo Matos é natural do Rio de Janeiro. Chegou ao Estado para a implantação da Companhia de Desenvolvimento de Roraima (Codesaima), onde passou a realizar vários trabalhos benéficos e de grande relevância para a sociedade roraimense.

“Tenho orgulho de morar em Roraima e de ter ajudado a construir o que hoje existe. É muito gratificante receber essa comenda. Agradeço à deputada por ter encaminhado meu nome, e aos demais deputados, por terem aprovado”, afirmou.

A capacitação dos brigadistas no Estado tem a contribuição da major bombeira militar Kelly Jones, uma das agraciadas com a Comenda Orgulho de Roraima. Atualmente, ela é subcomandante do Colégio Militar Maria dos Prazeres Mota, mas foi a atuação na Defesa Civil que lhe rendeu a escolha do nome para receber a honraria.

“Capacitamos os brigadistas para atuarem em situações de incêndios florestais, uma capacitação de suma importância para as comunidades de todos os municípios. Hoje, receber essa homenagem, é uma alegria. Como mulher, nós também podemos, temos capacidade e precisamos acreditar sempre no nosso potencial”, ressaltou.

Os servidores civis da Aderr (Agência de Defesa Agropecuária de Roraima) foram homenageados pelo avanço no status sanitário com relação à febre aftosa, o trabalho de combate e erradicação à mosca da carambola, desenvolvimento do setor de inspeção de produtos de origem animal e vegetal, fiscalização de agrotóxicos e o combate às diversas pragas quarentenárias que entraram no país por Roraima por conta das áreas extensas de fronteira com dois países.

‘Amigos do Peito’

O projeto foi implantado em 2015 e é uma parceria entre o Banco de Leite Humano Doutora Marilurdes Albuquerque e o Corpo de Bombeiros Militar de Roraima (CBMRR). A participação do CBMRR neste trabalho permitiu com que a capacidade de arrecadação de leite materno aumentasse exponencialmente, garantindo assim o abastecimento do banco de leite.

Educacional

O Proerd é um programa realizado entre a Polícia Militar, famílias e a comunidade escolar, com o intuito de prevenir o uso e o abuso de drogas e, consequentemente, atos de violência por crianças e adolescentes.