6 de julho de 2022 8:36 AM

Esportes

Time chinês Guangzhou confirma saída de quinteto brasileiro

Foto: Agência Reuters
Proprietária do clube, China Evergrande passa por crise financeira
Agência Reuters

O Guangzhou FC, oito vezes campeão da Superliga Chinesa, confirmou a saída de seus cinco jogadores brasileiros, conforme o clube continua a fazer cortes de custos devido às dificuldades financeiras da empresa proprietária do clube, a China Evergrande.

Elkeson, Ricardo Goulart, Alan Carvalho, Aloisio e Fernando Henrique tiveram seus contratos rescindidos pelo clube após “negociações amistosas”, disse o Guangzhou em comunicado divulgado nas redes sociais.

“Agradecemos sinceramente a esses cinco jogadores por todas as honras e glórias que conquistaram pelo Guangzhou… e desejamos sinceramente aos cinco jogadores tudo de bom no futuro”, afirmou o clube.

Elkeson venceu a Liga dos Campeões da Ásia com o Guangzhou em 2013 e 2015, enquanto Goulart foi membro do time vencedor do campeonato continental de 2015.

Ambos já voltaram ao Brasil, e Ricardo Goulart acertou transferência ao Santos.

Todos os cinco jogadores obtiveram a cidadania chinesa durante uma campanha das autoridades para aumentar o conjunto de talentos disponível para treinadores da seleção da China, à medida que o país buscava encerrar uma ausência de duas décadas da Copa do Mundo.

Esses movimentos, no entanto, fizeram pouca diferença para a seleção nacional, uma vez que a China não conseguiu se classificar para o Mundial no Catar, apesar de duas partidas restantes nas eliminatórias da Ásia para a Copa deste ano.

A China fez sua primeira aparição na Copa do Mundo em 2002, quando perdeu todas as três partidas na fase de grupos.