1 de julho de 2022 12:27 PM

Polícia

Polícia Civil prende foragida da Justiça de Campo Grande em Boa Vista

Foto: Ascom - PCRR
Delegacia de Mucajaí, cumpriu um mandado de prisão oriundo da Comarca de Campo Grande (MS)
Ascom - PCRR
A PCRR (Polícia Civil de Roraima) por meio dos agentes da SIOP (Seção de Investigação e Operação) da Delegacia de Mucajaí, cumpriu um mandado de prisão oriundo da Comarca de Campo Grande (MS), nesta segunda-feira (30), em desfavor de R. S. C. C, de 43 anos.
Contra ela havia um mandado de prisão por sentença condenatória, em que foi condenada a quatro anos, dez meses e dez dias, em regime semiaberto pelo crime de tráfico de drogas, expedido pela 5ª Vara Federal de Campo Grande.
De acordo com o delegado titular de Mucajaí, Wulpslander Trajano Júnior, os agentes receberam a informação de que a mulher estava morando na vicinal II, na localidade de Samaúma e deram início às diligências para localizá-la.
“Os agentes se deslocaram até a vicinal, onde obtiveram a informação de que a mulher estava em um Hospital, em Boa Vista, acompanhando um paciente, onde foi cumprida a ordem da Justiça”, disse o delegado.
R. S. C. C foi encaminhada até a Delegacia de Mucajaí, onde foram realizados os procedimentos formais, em seguida ela será encaminhada à Custódia da Policia Civil.
A PRISÃO – A mulher foi presa no ano de 2014, em Mato Grosso do Sul, após passar mal dentro de um ônibus, que trafegava na BR-262. Levada ao hospital, foi constatado que ela estava com 75 cápsulas de cocaína no estômago. Na ocasião, a mulher relatou à Polícia Militar daquele Estado, que receberia 6 mil dólares para levar a droga até a Europa. Como não conseguiu expelir todas as cápsulas, ela necessitou de procedimento cirúrgico.